SUBCONSCIENTE E HOMOSSEXUALIDADE

A INFLUÊNCIA DO SUBCONSCIENTE NA HOMOSSEXUALIDADE 
Por Elias Boell Júnior
 
Foto: Google
Prezado internauta, estou iniciando uma série de assuntos ligados à psicologia, a influência do subconsciente na sexualide dos gays e dos não gays. Muitas informações negativas são lançadas diariamente na mente e por esta vez, no subconsciente das pessoas. O subconsciente tem uma tendência forte de absolver primeiro as informações mais negativas, é por esse motivo que aconselho você internauta a tratar o subconsciente e isso pode ser feito de várias formas. Cada vez que traçamos algum tipo de repetição um sinal é ativado no subconsciente. 

Os problemas que você enfrenta na vida e muitos ligados à sexualidade podem sim ter sido plantados por terceiros em seu subconsciente e é por esse motivo que muitas vezes você não entende, não consegue explicar o que acontece com você. Muitas causas repetitivas em nossas vidas tem sim origem no subconsciente e é lá que vamos enfrentar nossos maiores inimigos, eles estão dentro de nós mesmos, em nosso subconsciente!
      
Prezado internauta, de forma inconsciente, sem saber que se trata de trabalhar o subconsciente, muitas pessoas e isso pode começar ainda na infância, projetam seus intentos no subconsciente de outras. a pessoa que não gosta de você, e isso em qualquer idade e até mesmo na infância, emite uma opinião negativa acerca de você, não quer dizer propriamente que ela pensa assim, ela fez isso porque é uma estratégia, se ela te desaprovar possivelmente você será um concorrente a menos no caminho dela, e mesmo que isso te cause dor, que venha a te aniquilar. Ainda mais se você deixou seu subconsciente absolver a informação, a negatividade que ela te passou! 
As pessoas fazem uso dos seus poderes ocultos mas não falam, os humanos tem consciência sim de que são espíritas mas escondem essa informação , não a divulgam e até mesmo atacam quem tenta desenvolver o assunto com elas. Certo é que ela está super consciente de que sua energia negativa ou positiva tem sim influência direta sobre as pessoas que a cercam. 
O risco de uma pessoa se tornar homossexual porque outras tocaram no assunto quando ela era criança é grande! Se a informação cair de forma negativa como : "acho que você é viado" "você não curte a fruta" etc...o problema é que certas pessoas tem uma carga energética mais forte e outras cargas energéticas mais fracas, quando uma pessoa fala com outra uma energia emana a caminho, é como uma espécie de bênção ou de maldição.
Nós humanos não estamos sozinhos. O subconsciente de cada pessoa projeta outro ser ou para lhe ajudar ou para lhe prejudicar, depende do que há gravado no subconsciente. Muitas vezes a pessoa pensa que os problemas que ela passa vem de revezes externos, quando, na verdade, o seu próprio subconsciente a prejudica. 
O subconsciente tem uma extrema tendência de absolver mensagens negativas de cunho abstrato. Ele também absolve mensagens positivas mas sua maior tendência é para a negativa. O único meio de garantir que o subconsciente da pessoa seja de captação positiva em sua totalidade é iniciar o trabalho quando a pessoa ainda é criança e de preferência até os sete anos. Como por exemplo: (1) quando ela não consegue realizar um feito, dirigir-se até ela e ajudá-la a fazer dar certo de um jeito ou de outro; (2) quando necessário repreendê-la, fazê-lo da forma mais doce e afetiva possível  para que a criança se sinta super amada; (3) não se deve negar nada à criança mas se realmente tem de negar algo, negar da forma mais amena, sem que ela se sinta desabonada. É isso que ela nunca poderá se sentir: desabonada! Sempre que uma criança é desabonada com rigidez entra uma informação negativa no subconsciente e isso é muito prejudicial.
O subconsciente é ainda cheio de incomensuráveis mistérios mas certo é que ele possui sim poderes sobrenaturais. Trabalhos de magia negra e outros tipos de ocultismos são fabricados com o subconsciente dos seus praticantes, é por isso que se diz que este tem mais ou menos poder que aquele. O poder está no subconsciente e não na dita entidade, ou santo, ou espírito como quiser se referir.
As pessoas que quando crianças tiveram problemas  em suas famílias de prostituição, alcoolismo e outras coisas prejudiciais devem primeiramente tomar conhecimento de como funciona o subconsciente. A partir do entendimento do subconsciente é que ela terá o entendimento inicial para se livrar dos males que a rodeiam dia a dia e isso vai até a velhice. Se ela entender que as coisas negativas que a impedem de prosperar vem do seu próprio subconsciente e como ele funciona, aí sim, será um começo extraordinário!
São muitos os fatores que levam um homem a não sentir interesse por mulher mas inicialmente vou falar tão somente do subconsciente. Pessoas que se projetam diante da criança, imagens pornográficas ou afetivas sempre estarão lançando informações diretamente no subconsciente. Até os sete anos de idade a criança não possui o que se chama  "barreira crítica" no seu subconsciente.
Até os sete anos de idade as informações são gravadas no subconsciente sem barreira alguma mas a partir dos sete anos haverá a barreira crítica, é uma espécie de super soldado de defesa de tudo o que o subconsciente entende que deve ou não ser.
O subconsciente analisa instantaneamente todos os nossos feitos e ele tem um poder sobrenatural de contactar forças externas para prover o que ele acha que deve ser. Como por exemplo: a pessoa faz uma oração sempre que perde um objeto, e após sempre acha, não porque a oração fez efeito mas porque o subconsciente procedeu aos eventos para que o objeto fosse encontrado. 
Quando a pessoa fez a oração o subconsciente se auto ativou para algo que ele julgou de extrema importância e o objeto foi encontrado pela pessoa. A oração a ser feita para encontrar objeto perdido poderia ser a oração do pai nosso, da cabra preta, da mula sem cabeça, qualquer oração faria efeito se a pessoa a teve por hábito, por costume, a repetição na oração a cada vez que se precisa achar algo fez o subconsciente criar um mecanismo de auto proveniência e ele usa todos os seus contatos e meios que não sabemos quais são para que tudo vá bem!
Com o exemplo acima e da mesma forma o subconsciente pode estar prejudicando a pessoa ao invés de ajudá-la por informação introduzida por algo ou outrem. Enquanto você vai investigando seu subconsciente pouco a pouco, seria bom que você evitasse noticiários ruins, filmes violentos, filmes e coisas de terror e todo tipo de coisa levada ao negativismo, foque somente em coisas boas, somente em qualidades e dê preferência ao que te dá alegria. Essa é uma das formas de começar a tratar o subconsciente.
Outra forma de tratar o subconsciente é escrever, escreva todos os dias. Pegue papel e caneta e escreva. Tudo o que não funciona na sua vida escreva no papel que já deu certo, inclusive agradeça. Com a caneta na mão escreva afirmações. Por exemplo: se você não é feliz no amor, todos os dias escreva: "obrigado obrigado me tornei muito feliz no amor, me livrei da solidão e sou muito mas muito grato!"
 Faça isso porque o seu subconsciente precisa fazer a reversão da informação e ele só saberá fazer isso com repetições. O subconsciente trabalha muito  com repetições ou com mensagens de cunho abstrato, aquelas que não são de esclarecimento imediato e ele certamente tomará para gravação o lado mais negativo. 
Muitas pessoas conseguem resolver suas vidas por esse poder, o poder da repetição, o que trará a solução em sí não é a repetição mas a gravação que o subconsciente fará para sí a partir da repetição.
Desta forma ir sempre na igreja, em qualquer igreja desde que seja para ouvir mensagens positivas e repetitivas é muito bom, da mesma forma ouvir músicas positivas, ver imagens positivas etc...tudo tudo, desde que haja sim a repetição!
O subconsciente sempre se foca em dois eventos, o da repetição e o de cunho abstrato, tipo aquelas mensagens com um grande mistério mas momentaneamente indiscerníveis.Lembre-se, são estes dois eventos aos quais você precisa tomar maior precaução para que seu subconsciente não venha a te prejudicar.

Na maioria das vezes o problema não está na sexualidade da pessoa e sim no subconsciente dela.
É por isso que a juventude aceita a homossexualidade com maior naturalidade, porque os homofóbicos dizem "não", mas a teve repete que sim e de formas explícitas e abstratas, tudo o que favorece o subconsciente. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário